Semana de mobilização exige participação de toda a categoria

Semana de mobilização exige participação de toda a categoria

Nesta e na próxima semana, atividades importantes e decisivas exigem a mobilização e a participação de toda a categoria. Na sexta-feira, dia 5, será realizada a assembleia de prestação de contas do Sindicato. Será a oportunidade para acompanhar a situação da entidade, tirar dúvidas e esclarecer pontos que sejam do interesse dos trabalhadores.

É uma assembleia importante, não só porque é um direito da categoria ter acesso ao uso dos recursos da entidade, mas também para ter clareza da situação e participar de forma ativa das decisões. Lembrando que um Sindicato só é forte com a participação financeira e engajamento de todas e todos os trabalhadores.

Além da prestação de conta, a assembleia do dia 5 será uma oportunidade para tratar da votação do PL 591 no Senado, marcada para o dia 9 de novembro, e de outros assuntos de interesse da categoria.

Não há razão para não participar. A assembleia será de modo virtual, através da plataforma Zoom, com acesso pelo link https://bit.ly/3GFR3FA, com primeira chamada às 19h e segunda e última chamada às 19h30.

ATO PRESENCIAL NA SEGUNDA, DIA 8

Outra importante agenda será o ato que está sendo chamado pelo Sindicato para a segunda-feira, dia 8, véspera da votação do PL 591. A concentração será a partir das 17h, em frente ao prédio Sede, no centro de Porto Alegre. Será o momento de demonstrar unidade e capacidade de mobilização, chamando a atenção da população e pedir seu apoio para evitar o verdadeiro crime que o governo Bolsonaro quer impor aos brasileiros, com a privatização do Correios.

A participação neste ato de um grande número de trabalhadores/as do Correios será fundamental. Não é a hora de ninguém se omitir e ficar de fora. Estamos falando da defesa dos empregos, dos direitos e de um serviço público necessário, tanto que durante a pandemia foi definido pelo próprio governo, que agora quer acabar com o Correios, como essencial.

TERÇA, VOTAÇÃO DO PL 591 NA CAE

Por fim, na terça-feira, dia 9, a partir das 9h, está agendada a votação do PL 591 pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), no Senado. O projeto já tem o parecer favorável do relator, senador Márcio Bittar (MDB-AC), e, praticamente, com o mesmo texto que foi aprovado no Congresso.

A ação neste dia também terá que ser forte nas redes sociais, pressionando os senadores gaúchos a votarem contra a proposta. Dos três senadores gaúchos – Carlos Heinze (suplente), Lasier Martins (titular) e Paulo Paim (suplente), apenas Paulo Paim já tem posição pública contrária ao projeto. Mas todos são integrantes da CAE e, por isso, a pressão deve ser total sobre todos eles.

Cada trabalhador/a deve também pedir aos familiares, amigos e vizinhos, que enviem mensagem nas redes sociais dos senadores, pedindo o voto contrário à privatização do Correios.

Estamos num momento decisivo, onde é mais que necessário o engajamento de toda a categoria. A participação dos/as trabalhadores/as nestas atividades deve ser maciça. Não há espaço para omissão, independente do cargo, do setor de trabalho, da cor partidária, ou de qualquer outro motivo. A hora de lutar e defender o Correios, os empregos e um serviço público para a população brasileira É AGORA!

Não ao PL 591!

Não à privatização do Correios!

Em defesa dos empregos e de um Correios público e de qualidade!

Assessoria de Comunicação

03/11/2021 12:37:15

Nara Soter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.