ECT persegue grevistas

Nos últimos dias foi relatado ao Sindicato de que dias correspondentes ao período de greve de 2020 foram registrados como faltas injustificadas na ficha cadastral dos trabalhadores. Anotação anormal, pois, trata-se de lei de greve e o TST disse que 50% dos dias parados seriam descontados e os outros 50% seriam compensados.

A FENTECT tomou a inciativa de exigir da ECT que corrija tal situação e, se porventura, houver alguma consequência aos trabalhadores, que seja imediatamente revista. Assim como o SINTECT-RS também já discutiu iniciativas e pede aos trabalhadores que preencham o texto em anexo, façam em duas vias e peguem protocolo do chefe imediato.

Esta é mais uma tentativa da direção da ECT de perseguir os grevistas. Mas, a FENTECT e o Sindicato, juntamente como os trabalhadores, darão o troco às intenções de retaliação aos que lutam.

Os documentos devidamente preenchidos e assinados podem ser enviados ao Sindicato através do WhatsApp (51) 98295.0216.

 

MODELO DE DOCUMENTO:

Eu, ___________________________________, matrícula________________, lotação _________________, solicito informações dessa chefia do porquê foi lançada como falta injustificada os dias ______, referente a greve 2020. Solicito a correção do lançamento dessas faltas injustificadas, pois participei da greve no período de ______________________, portanto esses dias devem ser lançados como ausência (lei de greve), uma vez que a greve 2020 teve início dia 17/08/2020 e término dia 22/09/2020.

Data: ________________________

Assinatura: ___________________

 

Caso prefira, faça aqui o download da SOLICITAÇÃO DE INFORMAÇÕES.

Assessoria de Comunicação

20/01/2021 08:34:32

Pin It on Pinterest