Sindicato suspendeu liberação dos diretores durante a greve

Durante os dias de greve, deflagrada na assembleia do dia 14 de setembro e que se prolongou até à 23h59 do sábado, dia 17, o Sindicato pediu a suspensão da liberação de todos os diretores do Sindicato e das subsedes. A medida foi para colocar os diretores na mesma situação e condições de todos os trabalhadores, ficando submetidos às mesmas determinações que valessem para a categoria.

Para o Sindicato, ao entrar em greve todos os trabalhadores estão expostos a situações diferenciadas e não seria moral nem justo que apenas os dirigentes tivessem qualquer condição de proteção.

Assim, em nome da transparência e do respeito à categoria, deixamos claro aos trabalhadores que as liberações foram suspensas durante todos os dias da greve.

Esta informação também é importante frente a postura da empresa que, na tentativa de fragilizar o sindicato e colocar os trabalhadores contra a entidade, tenta reiteradamente dar a entender que, durante a greve, os dirigentes teriam uma situação “diferenciada” em relação aos trabalhadores.

O Sindicato reafirma a necessária unidade dos trabalhadores e reitera que a manutenção e avanços nos direitos da categoria, assim como a resistência a privatização, somente serão garantidos com muita luta e força dos trabalhadores.

Confira as liberações Clicando Aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest