SINTECT-RS participa do DIA DO BASTA!

O SINTECT-RS estará nesta sexta-feira, dia 10 de agosto, somando nas manifestações do DIA DO BASTA, organizado pelas centrais sindicais, sindicatos e movimentos sociais.

Durante parte do dia serão realizadas paralisações e atrasos em portas de fábricas e manifestações em espaços públicos para chamar a atenção da sociedade para a necessidade de darmos um basta nos desmandos do governo Temer (MDB) e dos deputados que apoiam o governo.  Estão previstas uma série de mobilizações e paralisações em todo o país com o intuito de protestar contra as políticas deste governo, que têm trazido desemprego, retirada de direitos, aumento do gás de cozinha e combustíveis, privatizações e entrega da soberania nacional.  Além das portas das fábricas, serão promovidas manifestações em Porto Alegre e cidades do Interior do Estado e em todo o país.

Programação em Porto Alegre

O SINTECT-RS participará, em Porto Alegre, das manifestações em frente ao Palácio Piratini/Praça da Matriz, onde acontece, às 10h, um ato contra a política neoliberal do governo Sartori de desmonte do estado e ataque aos servidores e ao serviço público. Na sequência, os manifestantes seguirão até o Foro Trabalhista (Avenida Praia de Belas, 1432), onde será promovido, às 11h, um ato em defesa da Justiça do Trabalho e dos direitos sociais e trabalhistas.

O objetivo da data é dizer basta de desemprego, basta de retirada de direitos, basta de ataques à aposentadoria, basta de aumentos dos preços do gás de cozinha e dos combustíveis, basta de privatizações e desmonte do serviço público.

No RS, temos que dar um basta ao governo Sartori, que arrocha, atrasa e parcela salários dos servidores, prejudicando milhares de famílias e precarizando os serviços públicos prestados à população. Além disso, extinguiu fundações, fechou escolas, fez venda suspeita de ações do Banrisul e quer privatizar estatais para agradar os interesses dos grandes empresários.

Assessoria de Comunicação

09/08/2018 16:19:37

X

Pin It on Pinterest

X
Share This